Preenchendo os campos abaixo um dos nossos consultores entrará em contato para apresentar nossas soluções de acordo com as suas necessidades.




TELEFONES

PERGUNTAS FREQUENTES

FINANCEIRO

PARCERIAS

ÁREA DO CLIENTE

ÁREA DO CLIENTE

SISTEMAS OU PORTAIS

REDE CREDENCIADA

Nosso site utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação!

Para mais detalhes sobre os tipos de cookies e suas relações com informações pessoais, clique aqui!

TRÊS DICAS PARA REDUZIR CUSTOS E PREVENIR ACIDENTES NA SUA FROTA

 

Não importa o tamanho da sua frota. Custos com combustível, pneus, horas extras, multas e acidentes são dores de cabeça comuns a todo o gestor de frota, não é? Mas você pode economizar com tudo isso. Separamos 3 dicas para que você consiga rodar em segurança poupando recursos.

 

1 – Mais do que monitoramento: tenha o controle dos veículos em tempo real

Saber a localização de seus veículos não é o suficiente. É importante ter o controle deles, onde quer que eles estejam. Para isso, estabelecer regras de dirigibilidade é fundamental. Defina limites de velocidade e áreas que seus veículos podem trafegar, por exemplo. Existem soluções que geram alertas automáticos, caso algumas dessas regras sejam descumpridas.

 

2 – Controle a jornada dos motoristas

Horas extras podem ter um grande peso na sua folha de pagamento. Além disso, jornadas excessivas levam ao cansaço e sonolência, que podem causar acidentes. Tenha relatórios detalhados de toda a jornada dos seus motoristas, identificando tempo em espera e em direção. Verifique também se as regras de paradas para almoço e descanso estão sendo cumpridas de acordo com a lei.

 

3 – Faça a gestão do comportamento dos seus motoristas

O comportamento dos seus motoristas ao volante está diretamente ligado aos custos da sua operação. Alta velocidade, aceleração e frenagens bruscas, por exemplo, aumentam o consumo de combustível e diminuem a vida útil dos pneus, freios, eixos, etc. É importante identificar cada infração e os motoristas responsáveis por elas, e então treiná-los para uma dirigibilidade mais econômica.

 

Quer receber mais dicas sobre gestão de suas frotas? Clique aqui